Do Brasil para a conquista do online: Entrevista a Raquel Britzke

Conhecida não só pelas consultas mas também pelos seus programas online e pela grande presença nas redes sociais, Raquel Britzke é hoje um dos nomes mais sonantes do mundo da nutrição. Com clientes em 62 países a participarem nos seus programas de nutrição, Raquel é um exemplo de compreensão e aproveitamento do modelo online na nutrição - e compartilhou conosco alguns dos segredos do seu sucesso.

Do Brasil para o online: o percurso de Raquel

Depois de se formar em nutrição no Brasil em 2008, Raquel se mudou para Londres, onde fez uma pós-graduação pelo Comité Olímpico Internacional na Inglaterra. O passo seguinte passou por abrir uma clínica de emagrecimento e nutrição esportiva com uma aposta forte nas redes sociais, principalmente o Facebook, para compartilhar os seus conhecimentos de nutrição e chegar ao maior número de pessoas possível com uma mensagem de promoção de saúde e bem-estar.

Rapidamente chegou a um ponto em que as consultas que tinha disponíveis não eram suficientes, e começou a ter muita procura de clientes, que acabavam por ter de esperar mais de seis meses por uma vaga. Foi aí que Raquel decidiu começar o projeto online “fina e dura”, um programa de emagrecimento que ajudou 100 mulheres a alcançar resultados. Desde então já criou muitos outros programas online, com clientes de todo o mundo.

Qual é o segredo, nós perguntamos? Para Raquel, a resposta é simples: “Não há sucesso sem trabalho.” Tanto nas consultas como nos programas online, o foco está 100% nos resultados. “Eu não sou aquela nutricionista que o paciente vai chegar e eu vou falar ´tudo bem se você não emagrecer, eu entendo!´. Não! Eu quero resultado, então todo mundo que chega para mim vou dar um jeito de fazer a pessoa ter resultado. Então eu acho que como as pessoas veem o resultado, elas recomendam muito.”, afirma.

Hoje a maior parte dos nossos novos pacientes vem de recomendações de outros pacientes. Não é nem marketing nem mídia… A maioria hoje vem de recomendação de outros pacientes porque eles veem os resultados, então o meu foco é no resultado e no suporte ao paciente para ajudar eles a terem resultado.”

O crescimento passo a passo

Quando perguntam o que é preciso para chegar onde você está hoje, Raquel tem uma resposta pronta: a palavra-chave é trabalho. O seu dia a dia agitado tem um grande lado de empreendedorismo e ligação aos pacientes. Todos os dias ela vai às redes sociais ver as mensagens dos pacientes, fala com a sua equipe para garantir que está tudo a correr bem, dá treinamento a membros do seu time para ter a certeza de que todo mundo está alinhado e aplicando o mesmo método.

O foco nos resultados também é levado em conta: todos os dias a equipe verifica se todos os clientes estão tendo os resultados esperados e, se há alguém que não os esteja a atingir, o time cria um plano de ação para garantir o sucesso desse cliente. “O foco é sempre no resultado. Porque se tiver resultado o cliente fica feliz, né?”, diz.

Raquel não passa um dia sem criar conteúdo para as mídias, gravando vídeos, postando e fazendo stories, porque as redes sociais são um dos pilares essenciais da sua atividade.

“Sem dúvidas, a rede social é essencial. Hoje em dia quem não está nas mídias sofre muito mais para conseguir crescer. Através das mídias, pode ajudar até aqueles que não podem marcar uma consulta com você, então eu acho legal também por esse lado, que além de conseguir pacientes novos, você ajuda aqueles que não podem marcar uma consulta, pois você está compartilhando conhecimento e conteúdo.”

Mas se hoje o trabalho da Raquel enquanto nutricionista é reconhecido e procurado, nem sempre foi assim. Ela nos conta que quando se mudou para Inglaterra “não existia ainda muito essa cultura da nutrição, das pessoas valorizarem a profissão”.

“Hoje as pessoas já entendem o trabalho do nutricionista e têm a consciência de que precisam procurar um nutricionista. Quando eu comecei a trabalhar essa consciência não existia. Então eu tive que trazer essa consciência, trabalhar a cabeça das pessoas aqui que elas precisam de um nutricionista, e do porque elas precisavam”, conta.

Raquel afirma que hoje em dia essa já uma área reconhecida: “as pessoas sabem para que serve o nutricionista e para que elas precisam. Se a pessoa sabe para que serve fica mais fácil de vender o produto. Quando você quer vender algo que a pessoa ainda não sabe para que serve fica mais difícil”.

A pandemia fez o online crescer rapidamente

Raquel e a sua equipe já faziam consultas online desde 2012, mas não deixaram de notar um aumento na procura destas soluções desde que a pandemia COVID-19 começou.

Todos os seus programas são online, pelo que chegam a pessoas de todo o mundo e facilitam muito a parte logística. No entanto, Raquel não deixa de apostar nas consultas privadas, em que o contato com o paciente é mais direto e há um acompanhamento 100% personalizado.

Nessas consultas, Raquel usa o software Nutrium como grande aliado. “O Nutrium é muito bom porque a gente consegue calcular todos os planos, e a gente deixa um template pronto, então dependendo do caso é muito mais fácil selecionar o template e fazer as mudanças é muito fácil e prático no Nutrium. Dá para atualizar as quantidades, tudo fica muito mais organizado para o paciente.”. A facilidade de um software de nutrição é um ponto essencial para Raquel, e o Nutrium é a escolha por ser fácil de usar, completo e ter um aplicativo para o paciente, que permite um acompanhamento excelente.

“Hoje o trabalho do nutricionista é um trabalho duro porque você terminou a consulta mas o paciente tem dúvidas, tem dificuldade… A gente tem que ficar trabalhando o mês todo para ajudar até a próxima consulta”, diz. E é também aí que entra o Nutrium.

“O paciente tem acesso ao aplicativo, então pode mandar mensagens e a gente não precisa mais usar WhatsApp. Isso é uma grande vantagem do Nutrium para nós, porque com o WhatsApp a pessoa acaba misturando o profissional com o pessoal. Então uma coisa boa do Nutrium é que você consegue ter tudo ali em um lugar só não ter que ter mais WhatsApp nem email. O Nutrium ajuda muito nisso, em separar a vida pessoal da profissional.”

Que conselhos ficam para os profissionais que estão a tentar vencer no online?

“Eu acho que é realmente tirar essa barreira de achar que a consulta online não vai ser a mesma coisa que a presencial, porque na verdade em termos de resultado para o paciente não vai ter diferença quase nenhuma.”, afirma Raquel. Aos olhos da nutricionista, o acompanhamento online tem muitas vantagens e é, sem dúvida, o futuro.

“Eu acho que te expande, porque se você é um bom profissional você vai encontrar pessoas que se identificam com você e com o seu método e pode atender no mundo todo. Você pode morar onde quiser, tem liberdade geográfica, então tem muitas vantagens de poder trabalhar online. Fica mais acessível, para todo o mundo.”


Se, tal como a Raquel Britzke, você tem o objetivo de vencer no mundo do online e apostar em consultas à distância, o Nutrium pode ser o seu melhor amigo. É um software que permite fazer acompanhamento de excelência mesmo à distância, com videoconferencia, organização de pacientes e agenda, website e blog para chegar a mais pacientes, planos alimentares com análise nutricional, aplicativo para o paciente registrar o diário alimentar e muito mais!

Se você ainda não conhece o Nutrium, pode testar gratuitamente durante 14 dias. Experimente já!